20
Out 10
publicado por Nuno Gouveia, às 15:51link do post | comentar

O desespero em política normalmente traduz-se em desastre eleitoral. E os democratas têm manifestado sinais que já não sabem o que fazer para minorar os danos. Barack Obama é a prova desse desespero. E logo ele, que executou uma das mais brilhantes campanhas presidenciais que há memória. As suas declarações públicas no sentido de ajudar o seu partido têm minorado o seu papel de Presidente e enfraquecido os próprios candidatos. Há neste momento um problema de mensagem (os democratas simplesmente não têm nenhuma) e Obama tem contribuído para o caos comunicativo do partido. Passou o verão a atacar John Boehner, depois passou para Karl Rove e a Câmara do Comércio, e agora veio o ataque mais estapafúrdio de todos: a culpa é do... povo americano. Obama no passado fim de semana afirmou que as pessoas não estão a pensar correctamente sobre a situação do país e por isso estão  inclinar-se para o Partido Republicano. Em política nunca se pode acusar o povo de estar errado, e este argumento tem sido repetido por vários democratas. Não terá sido esse mesmo povo que os elegeu e os colocou no poder? Será que o povo só é inteligente e avalia bem a situação quando os elege?


arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog