07
Fev 12
publicado por Nuno Gouveia, às 19:16link do post | comentar

Os políticos são hipócritas. Faz parte da actividade. Quando surge uma situação indesejável, rapidamente assumem o que antes negavam. Barack Obama em 2008 acabou com o sistema de financiamento público das campanhas americanas quando optou por recorrer ao financiamento privado (nas eleições gerais), ao invés do que anteriormente tinha prometido. A razão foi simples: optando pelo sistema de financiamento público, tal como John McCain fez, Obama estaria limitado a gastos na ordem dos 85 milhões. Optando pelas contribuições privadas na campanha para as eleições gerais, Obama esmagou McCain nos gastos.

 

Passado quatro anos e temos uma nova realidade na política americana. Com a decisão do Supremo Tribunal em 2010 em acabar com o limite de contribuições individuais para as super pacs (organizações políticas independentes dos partidos e candidatos), estas ganharam uma relevância enorme na luta política. E se no ciclo de 2010 os republicanos aproveitaram estas organizações para equilibrarem (e em muitos estados superarem) os investimentos em relação aos democratas, nestas primárias estão a ter um papel ainda mais relevante e decisivo. A campanha de Mitt Romney tem aproveitado imenso a capacidade financeira destas Super Pacs, que têm recebido milhões de dólares de alguns apoiantes seus milionários. A sua função tem sido principalmente uma: atacar os adversários, especialmente Newt Gingrich. E para isso investiram milhões em campanhas negativas nos meios de comunicação social. Numa campanha onde se prevê que Barack Obama vá ter mil milhões de dólares à sua disposição, os republicanos contam com estas super pacs para poderem equiparar-se aos gastos milionários do Presidente. Mas Barack Obama, que até ao momento sempre criticou as super pacs e o seu papel nefasto na política (tal como o tinha feito anteriormente com o financiamento privado), deu ordens no ano passado para que um antigo colaborador, Bill Burton, organizasse uma super pac, a Priorities USA Action. Hoje veio a confirmação por parte da campanha de Obama que estão a pedir aos apoiantes para contribuírem para esta super pac. 


arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog