26
Out 10
publicado por Nuno Gouveia, às 09:59link do post | comentar

Daqui a oito dias finalmente estará terminado mais um ciclo eleitoral. Como sempre, nestas alturas todos os analistas dedicam-se a fazer as suas previsões. Vou deixar aqui algumas (a minha farei no fim de semana).

 

O Real Clear Politics dá uma vantagem de 51-49 para o Partido Democrata no Senado. O GOP conquistaria oito lugares (ND, AR, IN, PA, WI, IL, NV e CO) e não perderia nenhum lugar. Para a Câmara dos Representantes já prevêm a conquista da maioria, com 222 (precisam de 218) lugares a serem atribuídos aos republicanos, com 34 distritos a serem considerados empates técnicos. Uma onda gigantesca.

 

No site Daily Beast, a previsão é que o GOP vai ganhar a maioria nas duas câmaras. 51-49 no Senado e 224-211. A novidade aqui é que os republicanos vencem na Califórnia e West Virginia.

 

Nate Silver também prevê que os Democratas vão manter a maioria no Senado (52-48) e que vão perder na Câmara dos Representantes (230-205). Isto significaria que os republicanos conquistariam 52 lugares.

 

Charlie Cook, que não costuma falhar muito neste tipo de previsões, prevê que os republicanos vão conquistar mais de 40 lugares na Câmara dos Representantes e no Senado vão ganhar entre 7 e 9 lugares. Portanto sem maioria. Se forem 9 lugares, haverá empate de 50-50, o que daria a Joe Biden um papel de destaque na próxima sessão do Senado: o poder de desempatar.

 

Olhando para estes números, poderemos concluir que será uma grande surpresa se John Boehner não for o próximo Speaker da Câmara das Representantes e se o Partido Democrata não mantiver a maioria no Senado. Mas ainda falta uma semana...


Em destaque
José Gomes André

Investigador de Filosofia Política, redigiu tese de doutoramento sobre James Madison. Autor de "Sistema Político e Eleitoral Norte-Americano: um Roteiro" (Esfera do Caos, 2008). Escreve também no Delito de Opinião.
ver perfil
ver posts
Nuno Gouveia

Autor de uma tese de mestrado sobre as eleições presidenciais americanas de 2008. Escreve também no 31 da Armada e Cachimbo de Magritte.
ver perfil
ver posts
Alexandre Burmester

Define-se como um "ávido seguidor amador" da política americana, que acompanha há mais de 40 anos. As suas habilitações académicas situam-se na área da Língua e Literatura Inglesas e foi quadro de uma multinacional canadiana
ver perfil
ver posts
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog