28
Set 10
publicado por Nuno Gouveia, às 12:49link do post | comentar

Rahm Emanuel deverá abandonar o cargo de "chief of staff" de Barack Obama na próxima sexta-feira para lançar uma candidatura à cidade de Chicago. Este foi o segredo mais mal guardado da Administração, pois há meses saiu uma "fuga de informação" sobre o desejo de Emanuel ser Mayor de Chicago. Depois das saídas nos sectores económicos, esta é mais uma alteração forçada na equipa de Obama.

 

Os próximos a sair? Robert Gates vai abandonar o Pentágono no próximo ano. Timothy Geithner não deverá aguentar até final do ano, em caso de desastre eleitoral. David Axelrod também é certo que sai no próximo ano para preparar a recandidatura de Obama. Não me admirava que o Robert Gibbs saisse também de Press Secretary. Cargos deste género não costumam aguentar muito mais do que dois anos.

tags:

Em destaque
José Gomes André

Investigador de Filosofia Política, redigiu tese de doutoramento sobre James Madison. Autor de "Sistema Político e Eleitoral Norte-Americano: um Roteiro" (Esfera do Caos, 2008). Escreve também no Delito de Opinião.
ver perfil
ver posts
Nuno Gouveia

Autor de uma tese de mestrado sobre as eleições presidenciais americanas de 2008. Escreve também no 31 da Armada e Cachimbo de Magritte.
ver perfil
ver posts
Alexandre Burmester

Define-se como um "ávido seguidor amador" da política americana, que acompanha há mais de 40 anos. As suas habilitações académicas situam-se na área da Língua e Literatura Inglesas e foi quadro de uma multinacional canadiana
ver perfil
ver posts
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog