27
Out 12
publicado por Alexandre Burmester, às 22:31link do post | comentar

Temos todos andado entretidos com sondagens nacionais, sondagens estaduais, sondagens acerca dos debates, etc., etc., mas há um número importante de que pouco se tem falado recentemente, que é o da aprovação do desempenho presidencial.

 

Pois bem, os mais recentes números - da Gallup e da Rasmussen - dão, respectivamente, uma margem negativa de 46%/49% e 47%/52% ao Presidente Obama.

 

Qual o significado disto? Bem, a frieza dos números diz-nos que um presidente, em princípio,  não consegue ser reeleito se não tiver pelo menos uma aprovação de 49%.

 

Estes números andam, aliás, próximos dos valores que Obama obtém nas intenções de voto nas sondagens nacionais de ambas as empresas, e não podem deixar de ser considerados sintomáticos. 

 


Em destaque
José Gomes André

Investigador de Filosofia Política, redigiu tese de doutoramento sobre James Madison. Autor de "Sistema Político e Eleitoral Norte-Americano: um Roteiro" (Esfera do Caos, 2008). Escreve também no Delito de Opinião.
ver perfil
ver posts
Nuno Gouveia

Autor de uma tese de mestrado sobre as eleições presidenciais americanas de 2008. Escreve também no 31 da Armada e Cachimbo de Magritte.
ver perfil
ver posts
Alexandre Burmester

Define-se como um "ávido seguidor amador" da política americana, que acompanha há mais de 40 anos. As suas habilitações académicas situam-se na área da Língua e Literatura Inglesas e foi quadro de uma multinacional canadiana
ver perfil
ver posts
arquivos
2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog