25
Out 12
publicado por Nuno Gouveia, às 23:30link do post | comentar

Segundo uma sondagem da Gallup, 46% dos americanos considera que Mitt Romney venceu os debates, enquanto 44% atribui a vitória a Barack Obama. Para a Rasmussen, Romney, com 49% saiu vencedor, contra 41% de Obama. A diferença está na amostra: enquanto a Gallup sondou todos os americanos, a Rasmussen apenas questionou os prováveis eleitores, um número mais friendly para Romney. Os estudos de opinião nacionais continuam a dar vantagem para Romney: Gallup +3, Rasmussen +3,  ABC/ Washington Post +3 e Associated Press +2 - enquanto Obama lidera na IBD/TIPP +2. Nos swing-states, Obama mantem-se ligeiramente à frente. 

 

Colin Powel, antigo Secretário de Estado de George W. Bush, repetiu hoje o apoio que dera a Barack Obama em 2008. Por outro lado, no campo dos endorsements dos jornais, uma velha tradicão da imprensa americana, o Washinton Post repetiu o apoio dado a Obama em 2008, enquanto o influente Detroit News do Michigan apoiou Mitt Romney. Também este não é surpresa, pois já em 2008 tinha apoiado John McCain. O mesmo aconteceu com o New York Post, que se manteve na coluna republicana. De notar que até ao momento não houve grandes alterações em relação a 2008. Entre os grandes jornais que já declararam o seu endorsement, apenas destaque da passagem do Houston Cronicle e do Orlando Sentinel do campo de Obama para Mitt Romney. 

 

A equipa de Mitt Romney anunciou hoje que angariou na primeira metade do mês de Outubro 111 milhões de dólares e lançou um apelo aos seus apoiantes para contribuírem com mais dinheiro. Será que vão expandir o investimento publicitário a outros estados, como defendeu Karl Rove na semana passada? 


Só uma pequena correcção, a Rasmussen deu 49% ao Romney!
Pedro a 26 de Outubro de 2012 às 13:09

Tem razão. Vou corrigir. Obrigado.
Nuno Gouveia a 26 de Outubro de 2012 às 14:01

Caríssimos: Se tivessem que apostar 5.000,00 euros, dariam a vitória a quem, hoje? Eu punha-me a ver as sondagens nos condados mais importantes do Ohio...
Acham que Romney ainda está a subir, as coisas estão estacionárias ou Obama voltou a subir algo? Parece-me mais uma mistura da primeira com a segunda hipotese, mas isto muda tudo em 2, 3 dias.
Miguel Direito a 26 de Outubro de 2012 às 16:25

Eu guardava o dinheiro. Hoje não faria aposta nenhuma :)
Nuno Gouveia a 27 de Outubro de 2012 às 01:23

http://abcnews.go.com/blogs/politics/2012/10/romney-hits-the-50-percent-mark-with-a-clear-edge-on-the-economy/

Não consigo perceber, a sério que não consigo perceber com o que é que o Romney tem clara vantagem em assuntos económicos?"Basta" a lenga lenga da contenção da dívida?
renato Gonçalves a 26 de Outubro de 2012 às 17:02

Eu admiro muito esse endorsement explícito. Aqui no Brasil os jornais morrem de amores por Obama, mas fingem que não tem preferências.
Pedro Valadares a 26 de Outubro de 2012 às 23:05

Em destaque
José Gomes André

Investigador de Filosofia Política, redigiu tese de doutoramento sobre James Madison. Autor de "Sistema Político e Eleitoral Norte-Americano: um Roteiro" (Esfera do Caos, 2008). Escreve também no Delito de Opinião.
ver perfil
ver posts
Nuno Gouveia

Autor de uma tese de mestrado sobre as eleições presidenciais americanas de 2008. Escreve também no 31 da Armada e Cachimbo de Magritte.
ver perfil
ver posts
Alexandre Burmester

Define-se como um "ávido seguidor amador" da política americana, que acompanha há mais de 40 anos. As suas habilitações académicas situam-se na área da Língua e Literatura Inglesas e foi quadro de uma multinacional canadiana
ver perfil
ver posts
arquivos
2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog