18
Set 12
publicado por Nuno Gouveia, às 15:42link do post | comentar

Nunca é bom ver conversas privadas em público. Em política, é ainda pior, e quase sempre desfavorável para o visado. Os vídeos de Mitt Romney em conversas privadas com apoiantes têm vindo a suceder-se nesta campanha. Não é a primeira vez e talvez não seja a última. Isto também nos diz que há entre os seus supostos apoiantes quem não deseje a sua vitória. E isso não é nada bom para sua campanha.

 

Em relação aos comentários que Romney fez numa sessão privada. São semelhantes aqueles que Obama fez em 2008, sobre as armas e religião. A grande diferença é a altura em que eles surgem. Obama teve a crise na primavera, enquanto Romney apanha com esta situação em Setembro. Nos últimos dias, como era esperado, as sondagens aproximaram-se novamente, depois da vantagem de Obama ter crescido depois da Convenção Democrata, e a situação no Médio Oriente poderia complicar as contas do Presidente. Esta crise na campanha de Romney poderá inverter novamente a situação, colocando o candidato republicano novamente em apuros. Mas, e como temos observado nesta e noutras campanhas, este assunto irá dominar as atenções durante uns dias e depois irá surgir outro. A campanha de casos sucede-se. Estas declarações irão sobretudo atiçar os ânimos das bases. Uns a favor e outros contra. 


A questão também é: Romney está a ser criticado por ter dito alguma mentira, ou apenas por ter sido "politicamente incorrecto"? A verdade é que 49% dos americanos não pagam IRS federal.

Mas claro que os media liberais, que continuam dominantes, e a campanha de Chicago, vão mungir esta vaca o tempo que puderem.
Alexandre Burmester a 18 de Setembro de 2012 às 20:12

A máscara cai...

Bye, Mitt!...
Southern Confederated Gentleman a 19 de Setembro de 2012 às 12:04

Em destaque
José Gomes André

Investigador de Filosofia Política, redigiu tese de doutoramento sobre James Madison. Autor de "Sistema Político e Eleitoral Norte-Americano: um Roteiro" (Esfera do Caos, 2008). Escreve também no Delito de Opinião.
ver perfil
ver posts
Nuno Gouveia

Autor de uma tese de mestrado sobre as eleições presidenciais americanas de 2008. Escreve também no 31 da Armada e Cachimbo de Magritte.
ver perfil
ver posts
Alexandre Burmester

Define-se como um "ávido seguidor amador" da política americana, que acompanha há mais de 40 anos. As suas habilitações académicas situam-se na área da Língua e Literatura Inglesas e foi quadro de uma multinacional canadiana
ver perfil
ver posts
arquivos
2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog