14
Set 12
publicado por Nuno Gouveia, às 21:53link do post | comentar

Explorada pela American Crossroads de Rarl Rove. 


Caro Nuno,

Pode-me dizer como os media norte americanos, os políticos norte americanos americanos e os cidadãos norte americanos estão a olhar para estes tumultos no médio oriente? Os média de Portugal até ao momento só mostraram o lado dos muçulmanos mas ainda não vi/li sobre o que pensam nos EUA.
André a 14 de Setembro de 2012 às 23:00

Esta crise no Médio Oriente tem sido um pesadelo para o Willard, de argolada em argolada tem vindo a ser fortemente criticado até de quase todos quadrantes do Partido Republicano.
HCarvalho a 14 de Setembro de 2012 às 23:07

A reação patética de Romney lhe tirou uma oportunidade de obter algum ganho em política externa. Tudo o que conseguiu foi lancar dúvidas sobre sua capacidade predidencial.
O fato é que os americanos não tem estômago para novas incursões militares e a vantagem de Obama em politica externa continuará.
Joao Felipe a 14 de Setembro de 2012 às 23:35

O super PAC de Karl Rove não é uma fonte de informação muito confiável. Interessantes são as manifestações de John McCain e Nicholas Burns.
Joao Felipe a 14 de Setembro de 2012 às 23:38

O super PAC de Karl Rove não é uma fonte de informação muito confiável. Interessantes são as manifestações de John McCain e Nicholas Burns.
Joao Felipe a 14 de Setembro de 2012 às 23:38

Senhores,

Entendo que o Romney foi um tanto afoito e perdeu o timing de seus comentários.

No entanto, a situação se agrava continuamente e acaba fragilizando Obama também.

Neste momento, entendo que cabe a Romney buscar um aconselhamento para afinar a mensagem, não se afobar.
Já Obama tem que, de algum jeito, controlar a situação, antes que o fantasma de 1979 começe a rondar. A percepção do eleitorado é que politica externa é ponto forte de Obama, que tem de defender essa posição.

Nehemias
Nehemias a 15 de Setembro de 2012 às 01:55

Para certos media americanos - e não só para eles, pelos vistos - o grave não é ver-se bandeiras negras islâmicas a flutuarem numa embaixada americana, mas sim as declarações de Mitt Romney, o qual se limitou a criticar a reacção da embaixada americana na Líbia, coisa de que Obama, diga-se, também de distanciou.
Alexandre Burmester a 15 de Setembro de 2012 às 20:21

Em destaque
José Gomes André

Investigador de Filosofia Política, redigiu tese de doutoramento sobre James Madison. Autor de "Sistema Político e Eleitoral Norte-Americano: um Roteiro" (Esfera do Caos, 2008). Escreve também no Delito de Opinião.
ver perfil
ver posts
Nuno Gouveia

Autor de uma tese de mestrado sobre as eleições presidenciais americanas de 2008. Escreve também no 31 da Armada e Cachimbo de Magritte.
ver perfil
ver posts
Alexandre Burmester

Define-se como um "ávido seguidor amador" da política americana, que acompanha há mais de 40 anos. As suas habilitações académicas situam-se na área da Língua e Literatura Inglesas e foi quadro de uma multinacional canadiana
ver perfil
ver posts
arquivos
2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog