03
Jan 12
publicado por Alexandre Burmester, às 22:24link do post | comentar

O sistema eleitoral americano - digo-o sem reservas - é o mais democrático de todo o mundo. Por todo o país os eleitores são chamados a escolher os candidatos do seu partido, sem que isso seja uma decisão imposta pelas cúpulas partidárias, como sucede em terras que bem conhecemos. De tal modo este sistema é visto como salutar para a democracia que até o Primeiro Ministro britânico e líder do Partido Conservador - num país, note-se, onde a escolha de candidatos também não está centralizada nos aparelhos partidários - já sugeriu adoptar um sistema semelhante na escolha de candidatos do seu partido ao Parlamento de Westminster.

 

Na altura em que escrevo não são ainda conhecidos os resultados dos "caucuses" do Iowa - nem é isso que importa - mas gostaria de saudar este momento único da democracia em funcionamento.


«O sistema eleitoral americano - digo-o sem reservas - é o mais democrático de todo o mundo» Está tudo dito!
jal a 4 de Janeiro de 2012 às 11:30

Em destaque
José Gomes André

Investigador de Filosofia Política, redigiu tese de doutoramento sobre James Madison. Autor de "Sistema Político e Eleitoral Norte-Americano: um Roteiro" (Esfera do Caos, 2008). Escreve também no Delito de Opinião.
ver perfil
ver posts
Nuno Gouveia

Autor de uma tese de mestrado sobre as eleições presidenciais americanas de 2008. Escreve também no 31 da Armada e Cachimbo de Magritte.
ver perfil
ver posts
Alexandre Burmester

Define-se como um "ávido seguidor amador" da política americana, que acompanha há mais de 40 anos. As suas habilitações académicas situam-se na área da Língua e Literatura Inglesas e foi quadro de uma multinacional canadiana
ver perfil
ver posts
arquivos
2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog