29
Set 11
publicado por Nuno Gouveia, às 18:00link do post | comentar

 

Desde o inicio que me pareceu que Herman Cain, pelos seus dotes oratórios e pela presença que sempre demonstrou nos debates, seria o candidato republicano mais bem colocado para protagonizar uma campanha "insurgente" nestas primárias. Mas depois surgiu Michele Bachmann, e Cain foi perdendo algum do seu fulgor, mantendo, no entanto, uma base de apoio considerável, especialmente no tea party. Mas Herman Cain parece estar a subir nas sondagens, em contraste com duas quedas abruptas. Segundo a última sondagem da Fox News, Herman Cain surge em terceiro lugar, com 17 por cento das intenções, apenas dois pontos atrás de Rick Perry e seis de Mitt Romney, o actual líder. Atrás dele estão Gingrich (11), Paul (6), Huntsman (4) e Bachmann e Santorum (3). A confirmar-se esta tendência nas próximas sondagens, temos movimentos interessantes. A grande queda de Rick Perry depois do último debate na Florida e o quase desaparecimento de Bachmann. Em contraste, a grande subida de Herman Cain nesta sondagem. Por outro lado, Gingrich aparece com uns supreendentes 11 por cento e Jon Huntsman, depois de ter tido boas notícias do New Hampshire, abandona finalmente o último lugar numa sondagem. Ron Paul parece estagnado na sua base de apoio, apesar do sucesso financeiro da sua campanha. Mitt Romney, bem, recupera a liderança sem subir muito. 

 

Duas notas sobre a campanha de Herman Cain. Esta subida aparece em consequência da sua prestação no último debate na Florida, e da consequente vitória na Straw Poll do Sunshine State. Os eleitores mais conservadores, que inicialmente apoiaram Bachmann, e mais tarde Rick Perry, parecem estar dispostos a olhar com mais atenção para a sua candidatura. Sem experiência política, Cain parece oferecer aquilo que muitos dos eleitores conservadores neste momento procuram: alguém que consiga trazer paixão e entusiasmo a esta campanha. Não chegará para ganhar a nomeação, mas Cain pode muito bem representar nestas primárias aquilo que Mike Huckabee representou em 2008, com algumas vitórias eleitorais pelo meio. Tudo dependerá do modo como ele se comportar nos próximos debates, e se Perry terá capacidade para recuperar o elã perdido nas últimas semanas. 


Seria uma nomeação interessantíssima
Gustavo a 29 de Setembro de 2011 às 20:02

Sem dúvida. Mas não acredito que lá chegue. Costumo citar esta frase para explicar o processo de nomeação republicana : "Democrats fall in love, Republicans fall in line". E mesmo neste ciclo onde o tea party representa uma força poderosa nos eleitores das primárias republicanas, acabarão por escolher aquele que em melhores condições está para as eleições gerais. Desde Goldwater, 1964, que é assim que sucede. Além disso, a poderosa máquina republicana, composta pelos insiders e financiadores tradicionais, acabarão por fazer a sua escolha, e com isso, condicionar o processo das primárias, cumprindo a velha máxima de William Buckley: "Support the most conservative candidate who can win". E penso que será isso que irá acontecer neste ciclo.

Obrigado pelo comentário.
Nuno Gouveia a 29 de Setembro de 2011 às 22:19

Em destaque
José Gomes André

Investigador de Filosofia Política, redigiu tese de doutoramento sobre James Madison. Autor de "Sistema Político e Eleitoral Norte-Americano: um Roteiro" (Esfera do Caos, 2008). Escreve também no Delito de Opinião.
ver perfil
ver posts
Nuno Gouveia

Autor de uma tese de mestrado sobre as eleições presidenciais americanas de 2008. Escreve também no 31 da Armada e Cachimbo de Magritte.
ver perfil
ver posts
Alexandre Burmester

Define-se como um "ávido seguidor amador" da política americana, que acompanha há mais de 40 anos. As suas habilitações académicas situam-se na área da Língua e Literatura Inglesas e foi quadro de uma multinacional canadiana
ver perfil
ver posts
arquivos
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


pesquisar neste blog